ARTIGO EDU.KARTADO

ARTIGO EDU.KARTADO

Pavimentação asfáltica | CAP 30/45, CAP 50/70, CAP Pro, CAP Pro AP e CAP Pro W | Petrobras

A pavimentação asfáltica é um componente da infraestrutura urbana e rodoviária, influenciando diretamente na qualidade dos trajetos e na segurança dos usuários.

 Existem diferentes tipos de asfalto, classificados em “grades” como 30/45, 50/70, 85/100, 120/150 e 150/200. Essas classificações referem-se à viscosidade e resistência do asfalto, determinando sua adequação para diferentes condições climáticas e tipos de tráfego.

Por exemplo, asfaltos com grade mais baixa, como 30/45, são mais maleáveis, ideais para climas frios, enquanto os de grade mais alta, como 150/200, são mais rígidos e adequados para regiões quentes. 

A escolha correta do tipo de asfalto, assegura, assim, a durabilidade da pavimentação, minimizando a necessidade de manutenção frequente.

Uma boa pavimentação asfáltica melhora a eficiência do transporte, reduzindo o desgaste dos veículos. Dessa forma, melhora a experiência do usuário e contribui para a redução de custos de manutenção de veículos e estradas.

Além disso, uma pavimentação de qualidade contribui para a segurança, reduzindo o risco de acidentes causados por condições precárias de estradas.

Para entender melhor como a escolha do tipo de asfalto impacta diretamente na qualidade da infraestrutura e quais são as melhores práticas de pavimentação, convidamos você a conferir nosso guia completo sobre o assunto.  

Vem com a Kartado

O que é pavimentação asfáltica?

A pavimentação asfáltica é um método de construção de pavimentos rodoviários e urbanos, utilizando asfalto como material de cobertura. 

O asfalto, um derivado do petróleo, é conhecido por sua durabilidade e capacidade de criar uma superfície lisa e segura para o tráfego de veículos e pedestres. 

Esta técnica é amplamente utilizada devido à sua eficiência em termos de custo, facilidade de aplicação e desempenho sob variadas condições climáticas e de tráfego. 

A pavimentação asfáltica proporciona uma superfície uniforme, resistente a derrapagens e impermeável, que pode ser reparada e mantida com relativa facilidade.

Como é feita a pavimentação asfáltica?

A pavimentação asfáltica é realizada em várias etapas. Primeiramente, prepara-se a base, que pode ser de solo, pedra britada ou uma camada de material reciclado. 

Esta base é compactada para garantir a estabilidade e o nivelamento adequados. Após a preparação da base, aplica-se uma camada de material ligante, seguida pela aplicação do asfalto propriamente dito. 

O asfalto é espalhado e compactado para garantir uma superfície uniforme e densa. Este processo pode ser feito a quente, onde o asfalto é aquecido para melhorar sua maleabilidade, ou a frio, para aplicações em temperaturas mais baixas. O asfalto é então compactado com rolos para garantir uma superfície lisa e resistente.

Qual a diferença entre asfalto e pavimentação?

Asfalto e pavimentação são termos que frequentemente se confundem, mas referem-se a aspectos diferentes da construção de estradas. 

O asfalto é o material, um composto de betume (um derivado do petróleo) e agregados como areia e pedra, usado na camada superior da estrada. 

Enquanto isso, a pavimentação é o processo de construção do pavimento, que inclui não apenas a aplicação do asfalto, mas também a preparação da base, a compactação e outras etapas necessárias para criar uma via transitável.  

Principais tecnologias e tipos de pavimentação asfáltica

Confira, abaixo, quais são as principais tecnologias na pavimentação asfáltica. 

1. CAP 30/45

O CAP 30/45 é um asfalto de alta resistência, ideal para condições de tráfego moderado a pesado e regiões de clima mais quente. Esta versão de asfalto é conhecida por sua menor viscosidade, o que significa que ele é menos maleável em comparação com outras graduações. 

Sua resistência o torna uma escolha adequada para estradas com alto volume de tráfego, onde o asfalto precisa suportar o desgaste constante sem sofrer deformações significativas.

O CAP 30/45 é produzido em refinarias da Petrobras como REGAP, REDUC e REPLAN, o que assegura sua qualidade e conformidade com as normas técnicas nacionais. Este tipo de asfalto é indicado em áreas urbanas com alta densidade de tráfego ou em rodovias que conectam grandes cidades.

2. CAP 50/70

Por outro lado, o CAP 50/70 é um asfalto com maior viscosidade e maior penetração em comparação ao CAP 30/45, tornando-o ideal para condições de tráfego moderado ou leve e em regiões de clima mais frio.

 Sua maior maleabilidade o torna resistente a rachaduras em temperaturas baixas, ótimo para locais sujeitos a congelamento e descongelamento frequentes.

Este tipo de asfalto é produzido em várias refinarias da Petrobras, incluindo REGAP, REDUC, REVAP, REPAR e REFAP. Sua aplicação é comum em áreas residenciais, estradas rurais ou vias urbanas com menor volume de tráfego. 

O CAP 50/70 é uma escolha eficaz para pavimentar estradas que não enfrentam o estresse intenso do tráfego pesado, mas que requerem flexibilidade e resistência a baixas temperaturas.

Ambos os tipos de asfalto, CAP 30/45 e CAP 50/70, atendem às especificações da Agência Nacional de Petróleo (ANP), garantindo que sejam de excelente qualidade e adequados para as necessidades de mercado. 

A  escolha entre esses dois tipos de asfalto depende de vários fatores, como o volume de tráfego esperado, as condições climáticas da região e a natureza do projeto de infraestrutura.

3. CAP Pro AP

A linha CAP Pro AP é um exemplo de inovação na reciclagem de pavimentos. Com alta capacidade de penetração, é ideal para a reciclagem de RAP (Reclaimed Asphalt Pavement). 

Seu uso promove a sustentabilidade ao reduzir a geração de resíduos e o consumo de novos materiais. O CAP Pro AP elimina a necessidade de aditivos rejuvenescedores, otimizando a cadeia de pavimentação.

Adicionalmente, o CAP Pro AP é versátil, sendo útil na produção de Asfaltos Modificados por Polímeros (AMPs), Asfaltos-Borracha (ABs), Emulsões Asfálticas (EAs) e produtos para impermeabilização. 

Atualmente, está disponível com faixa de penetração de 70/85 e é produzido na REVAP, com estudos em andamento para expansão em outras refinarias.

4. CAP Pro W

O CAP Pro W é formulado especialmente para aplicações em temperaturas reduzidas (WMA – warm mix asphalt), oferecendo economia de energia significativa. 

Esta formulação permite a usinagem e aplicação em temperaturas até 40°C inferiores às tradicionais, sem a necessidade de alterar equipamentos ou processos.

Os principais benefícios do CAP Pro W incluem:

  • Redução de até 35% no consumo energético.
  • Viabilidade de usar maiores percentuais de RAP.
  • Diminuição da intensidade de carbono.
  • Melhoria das condições de trabalho durante a usinagem e aplicação.
  • Maior agilidade e segurança no processo de aplicação.
  • Possibilidade de liberação mais rápida da pista.
  • Aplicabilidade em dias muito frios.
  • Desempenho igual ou superior ao concreto asfáltico a quente.

Inicialmente disponível na faixa de penetração 30/45, o CAP Pro W será lançado na REVAP, com planos para expandir a produção em outras refinarias.

Essas inovações da Petrobras na família CAP Pro refletem um esforço significativo para impulsionar o setor de pavimentação asfáltica em direção a um futuro mais sustentável. 

Com produtos como CAP Pro AP e CAP Pro W, a pavimentação asfáltica não só atende às necessidades atuais de infraestrutura, como contribui para a redução do impacto ambiental, demonstrando um compromisso com a sustentabilidade e a inovação. 

Esses avanços representam um passo importante na evolução do setor de pavimentação, oferecendo soluções mais eficientes e responsáveis para os desafios de infraestrutura modernos.

Projeto CAP Pro: Petrobras lança asfalto para reduzir emissões de gás carbônico

A Petrobras está inovando no setor de asfaltos com seu novo projeto, o CAP Pro, que representa um avanço significativo na redução das emissões de gases de efeito estufa. 

Este asfalto foi utilizado pela primeira vez em março na BR 365, perto de Ituiutaba, MG, demonstrando uma redução de até 35% no consumo de energia durante a usinagem da massa asfáltica, comparado ao processo tradicional.

O CAP Pro diminui a emissão de gases de efeito estufa em até 65% e possibilita um uso maior de materiais reciclados, alinhando-se com as metas ambientais globais. 

Desenvolvido no Centro de Pesquisas, Desenvolvimento e Inovação Leopoldo Américo Miguez de Mello da Petrobras, no Rio de Janeiro, este projeto está em fase de experimentação em diversas rodovias, contando com a parceria de concessionárias rodoviárias.

Esta inovação traz melhorias operacionais significativas, beneficiando todos os envolvidos na cadeia de pavimentação, como construtoras, usinas de asfalto e órgãos gestores de rodovias. Sandro Barreto, gerente executivo de Comercialização no Mercado Interno da Petrobras, enfatiza que o CAP Pro é mais um passo da empresa em direção a produtos sustentáveis.

Outra vantagem do CAP Pro é a capacidade de pavimentar em temperaturas mais baixas sem alterar processos ou equipamentos, permitindo cobrir maiores distâncias. 

A estatal planeja lançar o CAP Pro no mercado no segundo semestre de 2023, após a fase de testes com as concessionárias parceiras. Será produzido inicialmente na Refinaria Henrique Lage, em São José dos Campos, SP.

Viviana Coelho, gerente executiva de Mudança Climática da Petrobras, ressalta o compromisso da empresa com a sustentabilidade, destacando o CAP Pro como um produto que atende a esse objetivo, com menores emissões de gases, menos vapores, mais segurança na aplicação e eficiência no processo de pavimentação.

Webinar sobre pavimentação asfáltica

Confira, abaixo, o Webinar sobre pavimentação asfáltica em parceria com a Petrobras. 

App para concessionárias rodoviárias e terceirizadas | Gestão de obras e apontamentos

A Kartado oferece uma solução tecnológica revolucionária: um aplicativo para a gestão de obras e apontamentos especialmente desenvolvido para a infraestrutura rodoviária. 

Este aplicativo foi criado com o objetivo de otimizar a gestão de projetos rodoviários, proporcionando eficiência e precisão inigualáveis.

Uma das principais vantagens do aplicativo da Kartado é a sua capacidade de integrar e centralizar todas as informações relevantes de um projeto.

Tal integração permite aos gestores um controle mais eficaz e uma visão do andamento das obras, indicadores, facilitando a tomada de decisões baseadas em dados precisos e atualizados.

Além disso, o app é extremamente versátil e fácil de usar. Seus recursos intuitivos permitem que as equipes no campo registrem apontamentos em tempo real, o que melhora a comunicação e a coordenação entre diferentes setores e equipes de trabalho. 

Um diferencial do aplicativo / plataforma da Kartado é sua funcionalidade offline. Reconhecendo que muitas áreas de obras rodoviárias podem ter cobertura de rede limitada, a plataforma foi projetada para funcionar de forma mesmo sem conexão à internet. 

Assim sendo, garante que o registro de dados e a gestão do projeto não sejam interrompidos, mantendo a consistência e a confiabilidade das informações.

Mais conteúdos Kartado

Veja também:

Cadastre-se gratuitamente na Edu.Kartado e receba os conteúdos em primeira mão!

Não se preocupe, seremos gentis com a sua caixa de entrada! :)

    Nome

    E-mail

    Empresa