ARTIGO EDU.KARTADO

ARTIGO EDU.KARTADO

Power BI: o que é, para que serve e como usar 

Nos últimos anos, profissionais de engenharia rodoviária têm adotado cada vez mais o uso do Power BI como uma ferramenta em seu arsenal de recursos. O Power BI fornece insights para tomarem decisões estratégicas e fazerem análises preditivas do mercado. 

O Power BI é uma plataforma de análise de dados que permite aos engenheiros rodoviários coletar, visualizar e analisar informações.  

Dessa forma, facilita a compreensão de dados financeiros, como orçamentos, custos e previsões de gastos, permitindo uma gestão financeira ainda mais prática dos projetos rodoviários. 

Além disso, o Power BI é uma ferramenta indicada para o acompanhamento de cronogramas de obras. Afinal, oferece a capacidade de criar representações visuais detalhadas das tarefas e prazos, identificar atrasos potenciais e acompanhar o progresso em tempo real.  

Assim sendo, ajuda os profissionais de engenharia rodoviária a garantir que os projetos sejam concluídos dentro dos prazos estabelecidos, conforme previsto, na maioria dos casos, nas obrigações contratuais.  

E, para te ajudar a entender como funciona o Power BI, a Kartado preparou um guia completo sobre o assunto, vem conosco! 

O que é Power BI? 

O Power BI é uma plataforma de análise de dados desenvolvida pela Microsoft, que permite aos usuários coletar, transformar e visualizar informações. Ele surgiu no mercado em 2013 e desde então tem ganhado destaque como uma ferramenta de análise de dados líder. 

As principais funções do Power BI incluem a criação de relatórios interativos, painéis de controle personalizados e análises avançadas de dados.  

Basicamente, permite a importação de dados de várias fontes, como bancos de dados, planilhas e serviços em nuvem, para que os usuários possam consolidar e modelar os dados conforme necessário.  

Além disso, o Power BI oferece recursos avançados de visualização, como gráficos, tabelas dinâmicas e mapas interativos, para que os usuários possam explorar e comunicar insights. 

A plataforma também suporta a colaboração em tempo real, permitindo que equipes compartilhem e colaborem em relatórios e painéis, tornando-o uma ferramenta super indicada para empresas que buscam tomar decisões baseadas em dados de modo mais rápido. 

Para que serve Power BI?  

Confira, abaixo, quais são as principais funções e exemplos práticos do Power BI no dia a dia dos profissionais de infraestrutura pesada.  

Análise de tráfego 

O Power BI atua, em alguns casos, na análise de tráfego para engenheiros de infraestrutura pesada no setor de rodovias. Ele permite a coleta de dados de tráfego de várias fontes, como sensores de tráfego, câmeras de monitoramento e sistemas de pedágio.  

Com esses dados, os engenheiros criam painéis interativos que mostram informações em tempo real sobre o fluxo de veículos, padrões de tráfego, congestionamentos e até mesmo a previsão de demanda em horários específicos. 

Assim sendo, auxilia na tomada de decisões para otimizar o design das rodovias, planejar manutenções e melhorar a segurança rodoviária. 

Monitoramento de condições de estradas 

Para manter as rodovias em boas condições, deve-se monitorar regularmente seu estado físico. O Power BI pode ser usado para coletar e analisar dados sobre a condição das estradas, como desgaste, buracos, rachaduras e sinais de deslizamentos de terra.  

Essas informações podem ser integradas em painéis de controle que fornecem uma visão geral da qualidade da infraestrutura rodoviária, ajudando os engenheiros a identificar áreas que requerem manutenção e investimento. 

O app da Kartado também pode ajudar com tudo isso: mantemos um histórico de todos os ativos, além de mapas de calor, para que os profissionais entendam quais são as áreas com mais concentração de reparação e manutenção.  

Controle de custos 

O controle de custos é uma parte da gestão de obras de infraestrutura pesada, e o Power BI facilita esse processo. Afinal, permite que os engenheiros coletem dados sobre os custos, incluindo materiais, mão de obra, equipamentos e outros gastos relacionados.  

Com esses dados, é possível criar relatórios e gráficos que fornecem uma visão detalhada do orçamento do projeto. Dessa forma, ajuda na identificação de desvios de custos, permitindo que a equipe de gestão tome medidas corretivas para manter o projeto dentro do orçamento. 

Acompanhamento de progresso de obras 

O Power BI oferece uma maneira de acompanhar o progresso das obras de infraestrutura rodoviária. Os engenheiros usam a plataforma para registrar o andamento de cada fase do projeto, desde a preparação do terreno até a pavimentação final.  

Assim sendo, permite que a equipe de gerenciamento visualize o progresso em tempo real por meio de painéis de controle personalizados. Caso ocorram atrasos ou problemas, eles são identificados rapidamente, permitindo a implementação de medidas para minimizar impactos negativos no cronograma. 

Gestão de recursos humanos 

O Power BI também pode ser uma ferramenta para a gestão de recursos humanos em projetos de infraestrutura rodoviária.  

Consequentemente, possibilita a coleta de dados relacionados à equipe como disponibilidade, alocação de tarefas, horas trabalhadas e treinamento.  

Com essas informações, poderá criar relatórios que auxiliam na alocação de mão de obra, identificação de necessidades de treinamento e avaliação do desempenho da equipe.  

Dessa forma, os engenheiros garantem que a equipe atue da maneira mais produtiva possível, contribuindo para o sucesso do projeto. 

Análise de riscos 

O uso do Power BI na infraestrutura do setor rodoviário é indicado para a análise de riscos. Permite que os engenheiros coletem e analisem uma variedade de dados relacionados aos riscos potenciais associados a projetos em rodovias.  

Basicamente, inclui dados sobre condições geotécnicas, eventos climáticos, instabilidade de encostas e muito mais. Essas condições podem ser citadas e analisadas por meio de um RDO.  

Com essas informações, os engenheiros criam modelos de análise de riscos que identificam ameaças potenciais e avaliam sua probabilidade e impacto. Essa análise ajuda na tomada de decisões para mitigar riscos, planejar respostas a emergências e garantir a segurança durante a operação das rodovias. 

Avaliação de impacto ambiental 

A expansão de rodovias envolve questões ambientais. O Power BI pode ser usado para coletar e analisar dados sobre o impacto ambiental potencial de projetos rodoviários.  

Assim, inclui informações sobre habitats naturais, poluição do ar e da água, impacto na biodiversidade e muito mais. Essa é uma boa dica para profissionais que atuam em rodovias, mas que possuem ênfase em engenharia ambiental.  

Com esses dados, os engenheiros criam relatórios e painéis de controle que destacam os aspectos ambientais de um projeto. 

Assim sendo, ajuda na identificação de medidas de mitigação, no cumprimento de regulamentações ambientais e na busca por soluções sustentáveis para a infraestrutura rodoviária. 

Relatórios de segurança rodoviária 

A segurança rodoviária é uma prioridade na infraestrutura rodoviária. O Power BI pode ser utilizado para coletar e analisar dados relacionados a acidentes de trânsito, condições das estradas, sinalização e outras variáveis que afetam a segurança dos usuários da rodovia.  

Com esses dados, os engenheiros poderão desenvolver relatórios de segurança rodoviária que destacam áreas de preocupação e tendências em acidentes. 

 Essa análise ajuda na identificação de medidas de segurança necessárias, como melhorias na infraestrutura, aumento da sinalização, duplicação de faixas e campanhas de conscientização, contribuindo para a redução de acidentes e salvando vidas. 

Gestão de qualidade de pavimentação 

A qualidade da pavimentação impacta diretamente para a durabilidade e a segurança das rodovias. O Power BI pode ser usado para coletar e analisar dados relacionados à qualidade da pavimentação, incluindo medições de asfalto, condição do pavimento e defeitos identificados.  

Com esses dados, os engenheiros criam relatórios de pavimentação que fornecem uma visão detalhada do estado das estradas. Assim sendo, ajuda na identificação de áreas que requerem manutenção ou recapeamento, permitindo que os recursos sejam alocados para manter as rodovias em condições seguras e transitáveis. 

Exemplos de uso do Power BI na engenharia 

O Power BI é uma ferramenta que encontra diversas aplicações na engenharia, incluindo o campo da infraestrutura rodoviária.   

Um dos principais exemplos de uso do Power BI nesta área é na análise de tráfego. Engenheiros podem, portanto, utilizar os recursos de visualização de dados para mapear padrões de tráfego, identificar horários de pico, e monitorar o fluxo de veículos. Assim sendo, permite otimizar rotas, planejar manutenções e melhorar a segurança nas estradas. 

Além disso, o Power BI é indicado na manutenção rodoviária. Através da análise de dados coletados, como condições do pavimento e frequência de uso, os engenheiros priorizam áreas que necessitam de reparos urgentes.  

Esse tipo de análise contribui para a redução de custos, evitando manutenções desnecessárias e focando recursos onde são mais necessários. 

No app da Kartado, também é possível ter um histórico de manutenção de ativos, mapa de calor e muitas outras informações que, associadas juntas, aumentam a produtividade da equipe e reduzem custos. Contamos com uma plataforma completa de sistema de gestão de obras.  

Outra aplicação importante é no monitoramento de projetos e ampliação de rodovias. O Power BI permite acompanhar o progresso de projetos em tempo real, integrando dados de diferentes fontes, como cronogramas, custos e recursos.  

A ferramenta também é indicada na gestão ambiental, ajudando na análise de impactos de rodovias no meio ambiente. Engenheiros usam o Power BI para monitorar indicadores como emissões de poluentes, impactos na fauna e flora local. 

Por fim, o Power BI auxilia na análise financeira de projetos rodoviários. Através de relatórios detalhados e dashboards interativos, os gestores monitoram, portanto, custos, prevendo orçamentos e analisando o retorno sobre o investimento. 

Como usar Power BI? 

Confira, abaixo, as principais dicas da Kartado de como usar Power BI e obter o máximo de produtividade com a ferramenta.  

1. Coletar e integrar dados de várias fontes 

Uma das etapas para aprender a utilizar o Power BI é a capacidade de coletar e integrar dados de diversas fontes. Assim sendo, envolve importar informações de bancos de dados, planilhas, serviços em nuvem e outras fontes de dados para o seu projeto ou análise.  

O Power BI oferece conectores integrados para uma variedade de fontes, permitindo que você colete e una dados em um único ambiente. 

2. Definir métricas e KPIs   

Antes de criar qualquer relatório ou painel no Power BI, determine quais métricas e Indicadores-chave de Desempenho (KPIs) são relevantes para o seu objetivo.  

Essas métricas servirão como a base das suas análises e relatórios. Certifique-se de escolher métricas que estejam alinhadas com os objetivos do seu projeto ou análise e que sejam mensuráveis. 

3. Criar painéis de controle interativos 

Uma das principais características do Power BI é a capacidade de criar painéis de controle interativos e dinâmicos.  

Dessa forma, permite que você apresente informações de forma visualmente atrativa e permita que os usuários explorem os dados por meio de gráficos, tabelas e filtros interativos. 

4. Utilizar gráficos e visualizações adequados 

O Power BI oferece uma variedade de tipos de gráficos e visualizações para representar seus dados. Portanto, escolha o tipo certo de gráfico ou visualização para transmitir suas informações.  

Por exemplo, gráficos de barras podem ser ideais para mostrar comparações, enquanto mapas são usados para exibir dados geoespaciais.   

5. Estabelecer filtros para análise específica 

O uso de filtros desempenha um papel importante no Power BI, permitindo que você análise dados de forma ainda  mais segmentada. Ao criar relatórios e painéis, aprenda a configurar e aplicar filtros para refinar suas análises. 

Assim sendo, permite que você concentre sua atenção nos dados mais relevantes para responder a perguntas ou identificar tendências específicas. 

Dominar essas torna-se super importante para aprender a usar o Power BI. À medida que você se familiarizar com esses princípios, estará preparado para explorar recursos mais avançados da ferramenta, como a criação de cálculos personalizados, a integração com outras ferramentas de dados e a construção de análises avançadas.  

O Power BI oferece um vasto potencial para transformar dados em conhecimentos, e a compreensão desses princípios iniciais é o alicerce para uma análise de dados bem-sucedida. 

6. Incorporar mapas para análise geoespacial 

O Power BI oferece uma capacidade para análise geoespacial, permitindo que você incorpore mapas interativos em seus relatórios e painéis.  

Consequentemente, ao aprender a usar essa funcionalidade, você pode visualizar dados em um contexto geográfico, identificar tendências regionais e até mesmo analisar dados de localização em tempo real.  

A capacidade de incorporar mapas é super indicada para projetos relacionados à logística, planejamento urbano, análise de mercado e qualquer análise que envolva componentes geográficos. 

7. Automatizar atualizações de dados 

Para manter seus relatórios e painéis atualizados, aprenda a automatizar as atualizações de dados no Power BI. Isso pode ser feito por meio de agendamento regular ou gatilhos de atualização baseados em eventos.  

A automação garante que seus dados estejam sempre frescos e prontos para análise, economizando tempo e garantindo a precisão das informações apresentadas. 

8. Criar cálculos personalizados com fórmulas DAX 

Dominar a linguagem DAX (Data Analysis Expressions) servirá para criar cálculos personalizados e avançados no Power BI.  

As fórmulas DAX possibilitam, portanto, que você realize operações complexas, agregações e cálculos personalizados com seus dados. 

Dessa forma, ao aprender a usar o DAX, você pode criar medidas personalizadas, calcular taxas de crescimento, tendências e muito mais, personalizando suas análises de acordo com as necessidades do seu projeto. 

9. Utilizar segmentações para filtrar dados 

As segmentações são uma ferramenta no Power BI que permitem que você filtre e explore dados de forma interativa. Aprender a configurar segmentações adequadamente em seus relatórios facilita a análise de dados em diferentes perspectivas.  

Os usuários poderão selecionar opções nas segmentações para refinar suas análises e obter insights com facilidade. 

10. Implementar alertas e notificações 

O Power BI oferece a capacidade de criar alertas e notificações com base em condições específicas nos dados. Aprender a configurar alertas permite que você seja notificado automaticamente quando certas métricas ou eventos atingirem valores não aceitáveis. 

Essa prática é muito indicada para monitorar o desempenho de KPIs importantes e agir rapidamente em resposta a mudanças significativas nos dados. 

Por exemplo, uma prática comum no setor de rodovias são os alertas de obras atrasadas, porque, na maioria das vezes, as empresas rodoviárias possuem penalidades contratuais a partir de determinados dias.  

11. Compartilhar relatórios de forma colaborativa 

Uma das vantagens do Power BI é a capacidade de compartilhar relatórios e painéis com colegas, clientes ou partes interessadas de forma colaborativa.  

Aprender a usar essa funcionalidade assegura, assim, que as informações sejam acessíveis e compartilháveis. Você pode conceder permissões para visualização e edição, controlar o acesso aos dados e colaborar em projetos e análises. 

12. Integrar com outras ferramentas de engenharia 

O Power BI é uma ferramenta com muitas funcionalidades por si só, mas também pode ser integrado com outras ferramentas amplamente utilizadas na engenharia, como Excel, SQL Server, Azure e muitas outras.  

Por exemplo: você pode criar um cronograma de obras integrando os dados do Excel com Power BI. Inclusive, o sistema para gestão de obras da Kartado também pode ser integrado ao Power BI. 

Dessa forma, para aprender a integrar o Power BI com outras ferramentas permite que você aproveite ao máximo seu ambiente de análise de dados, conectando-se a fontes de dados externas, automatizando fluxos de trabalho. 

13. Realizar análises preditivas com Machine Learning 

À medida que você avança no uso do Power BI, explore a capacidade de realizar análises preditivas com Machine Learning. 

Basicamente, o Power BI oferece integração com algoritmos de Machine Learning e permite que você crie modelos preditivos para prever tendências futuras, identificar padrões ocultos e tomar decisões informadas com base em dados históricos.  

Aprender a implementar análises preditivas adiciona, assim, um nível avançado de inteligência aos seus relatórios e painéis. 

14. Aproveitar recursos de storytelling de dados 

O Power BI não se trata apenas de apresentar números e gráficos, como de contar uma história com dados. Aprender a aproveitar os recursos de storytelling de dados serve, portanto, para criar relatórios.  

Consequentemente, envolve a habilidade de criar narrativas, usar insights para contar uma história e adicionar elementos visuais, como imagens e texto, para contextualizar seus dados e torná-los mais acessíveis. 

15. Monitorar e avaliar o desempenho continuamente 

A análise de dados não é um processo estático, e aprender a monitorar e avaliar o desempenho continuamente é uma das bases da engenharia pesada para tomar decisões informadas.  

O Power BI conta, portanto, com recursos para definir metas, acompanhar métricas-chave e criar painéis de controle de desempenho em tempo real. Ao dominar essa habilidade, você pode identificar tendências, medir o progresso em relação às metas e ajustar suas estratégias com base nos dados mais recentes. 

Curso de Power BI grátis online da Kartado 

A Kartado oferece aulas e workshops grátis para profissionais da engenharia rodoviária interessados em aproveitar ao máximo o Power BI.  

Um desses recursos é o workshop disponível em nosso canal no YouTube, que oferece uma oportunidade de aprender mais sobre como utilizar o Power BI no contexto da engenharia de rodovias para a criação de cronogramas de obras.  

Mini curso de Power BI da Kartado para engenharia rodoviária.

Neste workshop, os espectadores terão acesso a práticas ministradas por especialista no assunto.  Dessa forma, aprenderá a coletar e integrar dados de várias fontes, criar visualizações para o setor de infraestrutura rodoviária e muito mais. 

O workshop da Kartado é uma opção para adquirir conhecimentos e habilidades aplicados diretamente em projetos de engenharia rodoviária.  

Basicamente, permite que os profissionais da área compreendam como o Power BI pode ser uma ferramenta para otimizar o gerenciamento de dados, tomar decisões informadas e melhorar a produtividade em projetos de manutenção e expansão de rodovias. 

Integração da Kartado com Power BI 

A Kartado é uma plataforma com sistema de gestão de obras rodoviárias que oferece muitos recursos para auxiliar na supervisão e gerenciamento de projetos de infraestrutura viária.  

Com um foco sobre andamento das obras, projetos em andamento, concluídos e até mesmo um diário de obras, a Kartado se destaca como uma ferramenta para profissionais da área de engenharia rodoviária. 

Uma das principais vantagens da Kartado é a sua capacidade de integração com o Power BI. Essa integração permite que os usuários acessem e analisem facilmente todos os dados gerados pela plataforma Kartado por meio do ambiente de análise do Power BI. Combinar essas duas ferramentas oferece uma visão dinâmica dos projetos rodoviários em andamento. 

Ao integrar dados, informações de andamento da obra e outros da Kartado ao Power BI, os usuários criam, portanto, relatórios e painéis altamente personalizados.  

Assim sendo, proporciona insights detalhados sobre o desempenho dos projetos, custos, cronogramas, qualidade e muito mais. Essa capacidade de análise avançada ajuda a identificar áreas de melhoria, otimizar o planejamento e a tomada de decisões informadas em tempo real. 

O que está esperando para entrar em contato e saber como a Kartado, atrelada ao Power BI, pode te auxiliar no aumento da produtividade? 

Veja também:

Cadastre-se gratuitamente na Edu.Kartado e receba os conteúdos em primeira mão!

Não se preocupe, seremos gentis com a sua caixa de entrada! :)

    Nome

    E-mail

    Empresa